Serigrafia “Te Amor” l Judith Lauand

R$ 1.700,00

Serigrafia da artista Judith Lauand, tiragem 33/100.

[50 cm x 70,5 cm – dimensão sem moldura]

Compartilhar

Nascida em Pontal (SP) em 1922, Judith Lauand é pintora e gravadora. Mudou-se para São Paulo em 1952, dois anos após se formar na Escola de Belas-Artes de Araraquara. Na capital paulista, Lauand passou a estudar gravura, se tornando aluna de Lívio Abramo. Foi monitora da 2a Bienal de São Paulo, tendo contato com a obra de artistas de vanguarda, ocasião que é destacada como motor da aproximação de Judith com o movimento concreto. Tal aproximação tornou a artista a única mulher a fazer parte do Grupo Ruptura, do qual foi convidada pelo artista Waldemar Cordeiro. Teve grande proximidade e influência de poetas concretos como Augusto de Campos e Décio Pignatari. Em 1963, ao lado de dois outros artistas, criou a Galeria Novas Tendências, em São Paulo. Das mostras que participou se destacam diversas edições do Salão Paulista de Arte Moderna, a 1a Exposição Nacional de Arte Concreta em 1956, o Prêmio Leirner de Arte Contemporânea de 1958, no qual foi premiada, a Primeira Exposição Coletiva de Artistas Brasileiros na Europa em 1959 e cinco edições da Bienal de São Paulo. Compõe importantes acervos, como os acervos do MAM, do MAC-USP e do MoMA.

Carrinho de compras