Serigrafia | Aldemir Martins

R$ 1.280,00

Serigrafia de 1980 do artista Aldemir Martins em excelente estado.

[ 69 x 48,5 cm – dimensão sem moldura]

Compartilhar

Aldemir Martins (1922-2006) foi um dos maiores nomes da arte brasileira do século XX. Pintor, gravador, desenhista e ilustrador cearense, construiu grande parte de sua carreira em São Paulo. Em Fortaleza atua como ilustrador na imprensa e, após participar da fundação do Centro Cultural de Belas Artes em 1941, viaja em 1945 para o Rio de Janeiro com Antonio Bandeira e Inimá de Paula, participando de uma coletiva de artistas cearenses na Galeria Askanasy, organizada pelo suíço Jean-Pierre Chabloz (1910-1984). Passados alguns meses segue para São Paulo, volta a ilustrar e consegue sua primeira individual. Frequenta os cursos do MASP, de 1949 a 1951, em seguida se estabelecendo como monitor. Em 1951, com desenhos de cenas típicas de seu nordeste, com paus-de-arara, rendeiras e cangaceiros, além de galos e gatos,recebe o prêmio aquisição na 1ª Bienal Internacional de São Paulo. Em 1956, é premiado melhor desenhista internacional na 28ª Bienal de Veneza,  passando a compor diversas exposições internacionais. Recebe em 1959 o prêmio de viagem ao exterior do Salão Nacional de Arte Moderna e permanece por dois anos na Itália. Nos anos 1960, sua arte é aplicada a objetos comerciais, o que lhe traz enorme reconhecimento nacional – seu traço passa a fazer parte do dia a dia do brasileiro. Cria joias, ilustra bilhetes de loteria, faz esculturas, estampa aparelhos de jantar e cria até mesmo a abertura da telenovela Gabriela, da Rede Globo. Seu estilo, fortemente figurativo, com presença marcante do sertão e da arte popular, está entre os mais reconhecidos na arte brasileira.

Carrinho de compras